• Lucas Leierer

Posturas de Yoga: como e porquê praticar



No mundo ocidental, muitas vezes os Asanas - as posturas - são a porta de entrada para o caminho do Yoga. A perfeição de sua execução é descrita como encontrar uma ‘posição firme e confortável’, cujo objetivo é facilitar o seu aperfeiçoamento pessoal através da consciência no corpo e na respiração.


A prática regular de Asanas tem muitos benefícios, entre eles:


  • Aumentar o nível de flexibilidade muscular e mobilidade articular;

  • Fortalecer o sistema imunológico;

  • Aliviar tensões oriundas do estresse;

  • Desbloquear o fluxo de prana (energia vital);

  • Desenvolver consciência corporal, auxiliando nas demais atividades físicas e na melhora postural da vida cotidiana;

  • Massagear os órgãos internos e equilibrar o metabolismo;

  • Preparar o corpo para práticas mais sutis, como a meditação e o relaxamento.

Para que sua prática seja proveitosa, alguns cuidados devem ser tomados. Para ajudar nisso, existem 2 valores cujo equilíbrio devemos sempre observar: a não violência (do sânscrito Ahimsa) e o esforço (Tapas). O funcionamento harmonioso dessa balança te manterá seguro, mas também em constante evolução.


Ahimsa nos convida a não forçar nosso corpo, cuidando da integridade física. Já Tapas nos impulsiona à superação. Caminhando dessa maneira, somos capazes de entender que as posturas são, na verdade, caminhos fluidos de desenvolvimento pessoal, uma proposta (e não uma imposição) de expansão do corpo e da mente. O Yoga profundo acontece quando somos capazes de observar os conteúdos (sensações, pensamentos, emoções) que surgem no nosso interior ao nos colocarmos em determinado Asana.


Aqui vão mais algumas dicas práticas:


Observe a respiração, ela deve permanecer fluida.
Ganhe espaço, crescendo do centro em direção às extremidades. Se sente expremidx ou sufocadx numa postura? A execução não está correta.
Busque o conforto e a estabilidade.

Na visão do Yoga, não há separação entre corpo e mente, portanto, essas novas possibilidades que você desenvolve ao ganhar liberdade de movimento no tapetinho se refletem diretamente na vida: expandindo também sua capacidade de pensar, sentir e agir. Sim, isso significa que é possível e eficiente trabalhar questões psicológicas através de uma prática aparentemente física.


  • Instagram - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
Contato

contato@juliaviegas.com.br

(21) 975283819

Todos os direitos reservados